[Curso POO01 - Aula 03] - Conhecendo a Linguagem - variáveis, tipos de dados, operadores



Introdução
Para conhecer uma linguagem é necessário entender como “falar”, saber quais os termos usados e principalmente como eles são estruturados. É claro que neste curso não estamos falando de línguas como o Português ou Inglês (mesmo que esta lógica também se aplique a eles).

A linguagem Java possui, assim como outras linguagens, blocos de código e ferramentas que precisam ser compreendidos. Estas ferramentas são a base da programação, por exemplo:  estruturas condicionais, laços de repetição,  variáveis, vetores, etc. Ao memorizar estas estruturas você estará apto a começar a compreender como a programação orientada a objetos funciona.



1.       Variáveis
Assim como em qualquer linguagem de programação de alto nível a manipulação de valores é feita através de variáveis. Estas variáveis são definidas pelo programador com o intuito de ser um container de um valor. Assim como na vida real precisamos definir quais são os tipos diferentes de informação iremos trabalhar.

É comum na vida cotidiana trabalharmos com tipos diferentes de dados, por exemplo: tempo (minutos, horas, dias) ou com unidades monetárias ( Reais, Dólares, Euro) ou distância (metros, centímetros), entre outros. Porém, as linguagens de programação necessitam dessa informação também, sendo assim, a forma de suprir esta necessidade foi a criação de tipos de variáveis.

1.1.  Tipos primitivos

Como tipos primitivos entendemos aqueles tipos de informação mais usuais e básicos. São os habituais de outras linguagens de programação. Descreveremos algum dado para ter em conta em cada tipo.

Tipo
Descrição
Boolean
Não é um valor numérico, só admite os valores true ou false.
Char
Usa o código UNICODE e ocupa cada caractere 16 bits.
Inteiros:
Diferem nas precisões e podem ser positivos ou negativos. Byte: 1 byte, Short: 2 bytes. Int: 4 bytes. Long: 8 bytes.
Reais em ponto flutuante
Igual que os inteiros também diferem nas precisões e podem ser positivos ou negativos. Float: 4 bytes. Double: 8 bytes.


1.2. Tipos complexos
Um tipo complexo nada mais é do que um agrupamento de tipos primitivos, certo? Errado! –Isso em algum momento ao aprender a linguagem C pode ser verdade, entretanto, já no início deste curso deixamos claro que esta visão já não faz parte da orientação a objetos.

Um tipo complexo é uma classe com atributos e métodos que pode ser instanciada. É claro que iremos discutir este assunto mais profundamente no decorrer do curso.

      2.       Declarando variáveis

Declarar variáveis em Java é a forma com que o programador diz que uma variável vai passar a existir. Quando declarada uma variável é “criada” na memória, assim o programador pode atribuir valores a ela, desde que este valor esteja de acordo com o tipo da variável.

Para realizar a declaração o Java segue o padrão:

NomeDoTipo (ou classe)  NomeDaVariavel;

Por exemplo:

int a;

No exemplo acima a palavra “int” refere-se ao tipo inteiro e “a” é o nome atribuído para a variável. O nome da variável (que também pode ser chamado de identificador), para que seja válido, deve começar por uma letra do alfabeto ou algum caractere especial ($, _ ).
É possível que no momento da instanciação da variável ela seja inicializada, veja o exemplo:

int b = 1;

O Java coloca como restrição de uso das variáveis a inicialização, ou seja, se declararmos uma variável e não a inicializarmos, o compilador não compilará o código e avisará que a variável não foi inicializada.

3.       Operadores

As operações matemáticas são mais do que comuns na programação e são utilizados também na linguagem Java. Porém dependendo do contexto utilizado os operadores podem se comportar de maneiras diferentes. Acompanhe na tabela 1, 2 e 3:

Tabela 1: Sinais matemáticos utilizados para realizar operações em Java.

Operação
Operador
Expressão algébrica
Expressão Java
Adição
+
a + 1
a +1
Subtração
-
b -2
b -2
Multiplicação
*
cm
c * m
Divisão
/
d / e
d / e
Resto
%
f mod g
f % g



Tabela 2: Sinais que expressam a igualdade ou a diferença

Operadores de igualdade
=
==
x == y
x é igual a y
?
!=
x!= y
x é diferente de y

Tabela 3: Sinais que comparam variáveis de acordo com sua grandeza.

Operadores relacionais
> 
> 
x > y
x é maior que y
< 
< 
x < y
x é menor que y
>_
>=
x >= y
x é maior que ou igual a y
<_
<=
x <= y
x é menor que ou igual a y

Conclusão

Com a declaração de variáveis e a utilização dos operadores matemáticos e lógicos é possível executar operações simples na programação. É claro que esta parte é só o começo, iremos muito mais a fundo neste curso, até a próxima!


Referências

“Tipos primitivos e variáveis em Java” González, V.B; disponível em: <http://www.devmedia.com.br/tipos-primitivos-e-variaveis-em-java/3149/> Acesso em: 12/08/2016.

“Operadores lógicos e matemáticos da linguagem Java” Vinicius, T. Disponível em: <http://www.devmedia.com.br/operadores-logicos-e-matematicos-da-linguagem-java/25248> Acesso em: 12/08/2016.



Acompanhe a nossa vídeo aula





Quer fazer download deste artigo?


[Curso POO01 - Aula 03] - Conhecendo a Linguagem - variáveis, tipos de dados, operadores [Curso POO01 - Aula 03] - Conhecendo a Linguagem - variáveis, tipos de dados, operadores Reviewed by Vinicius dos Santos on 09:39:00 Rating: 5

Nenhum comentário

Escreve ai sua opinião!